Logo da República do Brasil - Justiça Federal da 5ª Região
Link do Tribunal Regional Federal da 5ª Região
Imagem do Portal da Justiça Federal
i

Destaque

A Seção Judiciária de Pernambuco (SJPE) comunica e lamenta o falecimento do desembargador federal Francisco Wildo Lacerda Dantas, ocorrido nesta terça-feira (25).

Da Seção Judiciária de Alagoas, Francisco Wildo foi presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região no biênio 2013-2015, além de lecionar na graduação e pós-graduação na Faculdade de Direito da Universidade Federal de Alagoas. O magistrado deixa também grande contribuição à ciência jurídica pela autoria diversas obras. 

A JFPE  manifesta os mais sinceros sentimentos à esposa, juíza de Direito Ana Florinda Mendonça da Silva Dantas, aos  quatro filhos, netos e demais familiares e amigos.

A equipe responsável pela implantação do programa de Autogestão em Saúde (TRFMED) do Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 participa, até amanhã (21), do 11º Seminário Unidas (União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde), entidade sem fins lucrativos representante das operadoras de autogestão do Brasil. Com edição virtual, devido à pandemia da Covid-19, o evento, que começou ontem (17), conta com a participação de dirigentes e gestores de planos de saúde, acadêmicos, prestadores de serviços, entre outros profissionais da área de autogestão em saúde.

No primeiro dia de debates, foram abordados, entre outros temas, a importância da reestruturação do modelo de saúde pública, além da necessidade do acompanhamento das doenças crônicas e da prevenção de doenças, em detrimento da medicina reativa, aplicada quando o problema já está instalado. Essa maneira de visualizar o cuidado da saúde enseja não apenas uma melhoria da qualidade de vida das pessoas, mas gera, também, a redução dos gastos do setor de autogestão. Os cuidados com a saúde das pessoas que estão trabalhando no modelo home office, em função da pandemia, também foram abordados.

Para a diretora da Autogestão em Saúde no TRF5, Juliene Tenório, a participação no Seminário Unidas integra o plano de capacitação e aprimoramento da equipe, com foco no cotidiano da gestão dos planos de saúde. “É importante ouvir especialistas no assunto e nos atualizarmos com o que há de novo no segmento da autogestão, buscando sempre a melhoria da qualidade de vida dos beneficiários”, frisou.

Com informações da Divisão de Comunicação Social do TRF5 - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 lançou uma pesquisa virtual sobre as Metas Anuais do Poder Judiciário para o ano de 2021. O objetivo do questionário é conhecer a opinião do público interno e externo do TRF5 e das Seções Judiciárias vinculadas (Alagoas, Ceará, paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe) sobre o modelo de gestão por resultados aplicado na Justiça Federal. Além disso, com as respostas fornecidas, será formada uma base de dados que permitirá a elaboração do planejamento das atividades da Justiça Federal para o ano de 2021.

O formulário traz questionamentos sobre metas relacionadas à conciliação, sustentabilidade, julgamento de processos relativos aos crimes contra administração pública e à improbidade administrativa, julgamento de ações coletivas, entre outros. Magistrados, servidores, advogados ou mesmo pessoas que não atuam na área jurídica podem participar da pesquisa, que estará disponível até a próxima sexta-feira (14).

Sua opinião é muito importante! Participe!

A equipe do Programa de Autogestão em Saúde (TRFMED) do Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 informa as ações que estão sendo realizadas para implantação do TRFMED, cuja expectativa é de que ocorra no último trimestre de 2020, como a contratação da rede de atendimento e do serviço de auditoria médica, bem como os avanços dos estudos atuariais.
 
Outra ação consiste na filiação à Unidas (União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde), entidade sem fins lucrativos. A vantagem dessa filiação, segundo a Diretoria de Autogestão em Saúde, é a viabilização de melhores condições de negociação com a rede médico hospitalar, uma vez que a Unidas congrega os filiados para negociações em bloco. Entre os dias 17 e 21 de agosto, será realizada uma edição virtual do 11º Seminário da Unidas – Atenção Integral à Saúde, evento que contará com a participação dos membros da equipe do Programa, que buscarão conhecer outras experiências em gestão de saúde.
 
O processo de contratação da rede de atendimento e do serviço de auditoria médica também está tramitando. A auditoria médica atuará como instância de controle e aperfeiçoamento do processo administrativo do plano, visando a coibir eventuais desperdícios, abusos e pagamentos indevidos, garantindo a idoneidade dos serviços de assistência à saúde prestados aos beneficiários do TRFMED.
 
Além disso, também contribuirá com o estudo da viabilidade econômico-financeira do programa, a redução dos custos e a orientação de procedimentos adotados, de forma a aperfeiçoar a prestação desse serviço. Nesse sentido, os cálculos atuariais também estão sendo feitos. São esses estudos que fornecerão subsídios sobre os valores a serem cobrados nas mensalidades do TRFMED, levando em consideração alguns critérios, como faixa etária.
 
Sistema da Autogestão - Outra ação relevante é a definição dos processos de trabalho e o desenvolvimento do sistema de Autogestão, uma interface virtual necessária para se acompanhar a movimentação cadastral dos beneficiários e a gestão da operação da assistência indireta. Segundo a gestora Michele Azoubel, o TRFMED tem colhido as melhores práticas do mercado acerca desses temas, buscando definir a melhor forma de atender ao Programa de Saúde da Justiça Federal da 5ª Região. “Esses processos digitais, integrados aos sistemas do Tribunal, deverão reduzir a necessidade de inserção de dados pelos usuários”, afirmou.
 
 
Com informações da Divisão de Comunicação Social do TRF5 
A 2ª Turma Recursal (TR) dos Juizados Especiais Federais (JEFs) da Seção Judiciária de Pernambuco – SJPE realiza, nesta quinta-feira (30/07), às 9h, sessão de julgamento. Será a primeira sessão utilizando a plataforma Teams, em substituição ao Polycom. O link de acesso à sala da sessão virtual está disponível na intimação da pauta e no quadro de avisos do sistema Creta, utilizado pelos JEFs. Os advogados e procuradores devem clicar no link para acessar a sala 15 minutos antes do início da sessão de julgamento, cuja pauta terá 67 processos. A relação contendo a ordem de todos os pedidos de sustentações orais e de preferências estará disponível hoje (29) à tarde, no quadro de avisos do Creta.
 
A 2ª TR orienta que, no momento em que o advogado ou procurador estiver fazendo o login no aplicativo Teams, deverá deixar seu perfil com imagem e com o microfone no silencioso. A orientação de entrar com imagem é só para o sistema reconhecer a imagem durante a gravação. Depois que entrar, pode deixar sem imagem e no silencioso e aguardar ser chamado. Havendo a chamada do respectivo processo, o advogado ou procurador ligará seu microfone e sua câmera, desligando-os ao final de sua sustentação oral.
 
Teams - A ferramenta Teams para videoconferência pode ser utilizada em qualquer smartphone, sistemas Android ou IOS, computador, tablet, Ipad ou Mac da Apple, sem restrições. No computador o advogado pode optar em baixar ou não o programa Teams, pois, caso queira, pode ser feito online, sem a necessidade de baixar programas. Para facilitar o uso da ferramenta, a SJPE disponibilizou os manuais do Teams, que poderão ser acessados na área "Turmas Recursais" do menu "Institucional" do Portal da JFPE: www.jfpe.jus.br

 

Top